Biblioteca Viva

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

UM CASTANHEIRO CONTA ÀS OUTRAS ÁRVORES A HISTÓRIA DA SUA VIDA...




Um castanheiro conta às outras árvores 
a história da sua vida     


    “Era dia de assar castanhas naquele lar. Eu e as minhas irmãs castanhas fomos lançadas no assador. Tive sorte, bati na asa e caí para trás de uma arca. 
   Fiquei ali uns tempos, até que a dona da casa, fazendo as limpezas, me encontrou e, alvoraçada, chamou o marido. Este ficou admirado, pois eu já tinha um grelo com meio metro. 
  Cavou um buraco na terra e ali permaneci, naquela escuridão, até ver a chama do Sol.”

José dos Santos
87 anos, avô
29/11/17

        

              Foram estas luminosas e fecundas palavras que, na tarde do dia 21 de dezembro, abriram a sessão de leitura partilhada de textos apresentados pelos pais, encarregados de educação, familiares e alunos do 9.º A, no âmbito do Desafio de Escrita Criativa «88 Palavras para Contar uma História de Natal». 
          Esta sessão resultou de uma iniciativa dos alunos, que, atendendo à expressiva adesão a este desafio (o qual contou com a participação de todos os alunos da turma bem como a de nove familiares, entre eles um jovem avô de 87 anos...), organizaram este encontro, para o qual convidaram todos os pais e familiares, os professores da turma e a Coordenadora da Escola.

           As sábias palavras do"avô-castanheiro" deram o mote e a magia do que se seguiu ficará gravada na memória de todos... 





domingo, 7 de janeiro de 2018

88 PALAVRAS PARA CONTAR UMA HISTÓRIA de NATAL...


Como estarão lembrados, o nosso difícil «Desafio de Escrita Criativa» consistia em contar uma história de Natal, protagonizada por uma árvore, utilizando apenas 88 palavras, sendo duas delas, obrigatoriamente, «chama» e «escuridão».

Missão impossível?...

Longe disso, a avaliar pela enorme variedade, qualidade e criatividade dos textos apresentados!







MUITOS PARABÉNS A TODOS OS PARTICIPANTES!




sábado, 9 de dezembro de 2017

O 6.º F deseja BOAS FESTAS a TODOS!





Muitos parabéns aos alunos e ao professor de Educação Tecnológica do 6.º F por este magnífico presépio, todo ele criado a partir de materiais reciclados!




quinta-feira, 23 de novembro de 2017



O inverno

Chegou o inverno. Sinto a sua chegada dentro de mim. Lá fora, as árvores devem sentir o mesmo. As suas bonitas folhas, enregeladas, caem formando um manto colorido sobre a geada da manhã. Gosto do inverno, de ouvir a chuva a cair e a formar poças de água, de estar em casa à lareira a comer castanhas. É reconfortante.
Apesar do frio, a árvore não cedeu! A minha árvore que plantei há muito tempo, num jardim ainda despido. Lembro-me de quando era mais nova me encostar a ela. Era como se me abraçasse e me envolvesse no seu tronco rígido mas acolhedor. Estendia para mim uma cama fofa de folhas coloridas, vermelhas, amarelas, castanhas... Podia passar lá horas e horas, envolvida pelo silêncio. Costumava ler-lhe histórias e falar com ela, pois, na minha inocência, acreditava que os seus frutos ficariam mais doces e as suas flores mais belas.
Agora sinto que ela também está mais velha, que as folhas já não brilham tanto, que o seu tronco já não se molda em mim. Apesar disso, continuo a sentir a sua presença e a acreditar que vai sempre ser assim! 
A.M.P., 9.º A



O Mundo do Presente do Conjuntivo


Que haja paz,

Que se possa acabar com a violência!

Que se torne feliz cada homem,

Que se respeitem os mais velhos,

Que não se discrimine ninguém pela raça ou pela fé.

Que se acabe com a poluição:

Que se plantem árvores e flores,

Que se protejam as espécies,

Que os rios estejam limpos e livres.

Que os oceanos banhem praias limpas.

Que os plásticos desapareçam do mar.

Que se crie um mundo melhor

Onde haja felicidade!

                                                  Alunos do 6.º D


terça-feira, 7 de novembro de 2017

DESAFIO DE ESCRITA CRIATIVA




«88  PALAVRAS PARA CONTAR UMA HISTÓRIA DE NATAL»

           Margarida Fonseca Santos, com vários livros publicados, na sua maioria para crianças e jovens, orienta oficinas de escrita criativa e defende que «a magia das histórias curtas» nasce, sobretudo, do «equilíbrio entre aquilo que se quer contar e aquilo que se permite ao leitor adivinhar em cada frase». Garante-nos ela que «passamos uns bons minutos, de língua de fora, como quando temos de recortar uma figurinha complicada, a contornar as palavras dispensáveis, a esconder segredos, a descobrir como se pode dizer tanto… escrevendo tão pouco!»

            Por concordarmos inteiramente com o que esta escritora nos diz, o desafio que te lançamos é que nos contes uma história de Natal… em 88 palavras!


            O teu texto deverá:

            - ter uma árvore como personagem principal;
            - incluir obrigatoriamente as palavras «chama» e «escuridão»;
            - apresentar rigorosamente 88 palavras.


            Envia a tua história para o endereço eletrónico beicastro@aecoimbraoeste.pt , até ao próximo dia 08 de dezembro!
            Não te esqueças de identificar o trabalho com o teu nome, número, turma e ano.

            As melhores histórias serão divulgadas numa exposição e/ou publicadas no blogue da Biblioteca (identificadas apenas com as iniciais do teu nome). Talvez haja uma surpresa!


DESAFIA A TUA CRIATIVIDADE e PARTICIPA!


A equipa da Biblioteca Escolar

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Os Fantásticos LIVROS VOADORES do 5.º E

Em novembro, foi a vez de os alunos do 5.º E se deslocarem à Biblioteca Escolar a fim de conhecerem o premiado filme «Os Fantásticos Livros Voadores do Senhor Morris Lessmore».

Após o atento visionamento deste belíssimo filme de animação, os alunos caracterizaram as personagens, identificaram tempos, descreveram espaços, reconstituíram a ação, discutiram ideias, descobriram sentidos…
E assim nasceu o conjunto dos fantásticos trabalhos que aqui deixamos.



Muitos parabéns a todos os alunos pelo dedicado trabalho que desenvolveram e pela sensibilidade demonstrada.